Me Livrando Especial [Sexta-Feira 13]: Sessão Terror

Postado por - sexta-feira, fevereiro 13, 2015


      Oi, gente! Primeira sexta-feira 13 do ano. Vamos de post especial hoje, com resenha, recomendações e mais uma promoção/sorteio? Ah, não se esqueçam: se encontrarem um gatinho preto pela frente, não faça nem uma besteira! Eles não têm nada a ver com o que acontece de ruim com a gente, viu? 


A Resenha - #MeLivrando 06


Título do livro: Horror em Amityville
Autor: Jay Anson
Editora: Record
Páginas: 191
Ano: 1976
Onde comprar: Esgotado em todos os lugares que procurei. Você pode encontrar volumes usados na Estante Virtual.
Mais informações no Skoob.


Em 13 de novembro de 1974 a polícia do Condado de Sufolk recebeu uma chamada telefônica que a levou ao endereço 122 Ocean Avenue, Amityville, Long Island. Dentro da casa a polícia encontrou um crime brutal: o assassinato de uma família inteira enquanto dormia. Poucos dias depois, Ronald DeFeo Jr. admitiu que usou um rifle para matar os pais e seus 4 irmãos, alegando ter ouvido vozes que vinham de dentro da casa e que o influenciaram a cometer os crimes. Um ano depois George e Kathy se mudam com os filhos para a antiga casa dos DeFeo. Não demora muito para que estranhos eventos comecem a acontecer, afetando a vida da família e indicando que uma presença maligna está oculta na casa.

      Devido à imparcialidade absurda da última resenha, vamos tentar compensar com essa? 
      A trama do livro de Horror em Amityville narra o pesadelo bastante conhecido que a família Lutz viveu em 1975 - com mais detalhes do que o filme de sete sequências (!) e o remake de 2005, mesmo tendo apenas 191 páginas. O cenário é a Ocean Avenue, número 112, uma casa misteriosa nos subúrbios da cidade de Long Island, onde ocorreu o massacre bárbaro da família DeFeo pelo próprio filho deles, Ronald. A família Lutz consegue permanecer no local por exatos vinte e oito dias antes de sair correndo, deixando tudo para trás. Os fatos são supostamente reais - só de você pensar na possibilidade de realmente ter acontecido já acrescenta uma emoçãozinha à leitura, especialmente se você ler de noite. 
      Muita gente achou controverso o fato de a família Lutz ter se mudado para a Ocean Avenue, 112, à despeito de saberem do crime bárbaro que lá ocorreu. Mas francamente: eles não eram nem um pouco religiosos, isso fica bem claro no livro. Não acreditavam em fantasmas, em espíritos, em nada. Por que deveriam temer, então? Mesmo com todos os boatos, eles vão lá e compram aquela casa maravilhosa por um preço ínfimo e logo George e Kathy mudam-se para lá com seus três filhos. Apenas para prevenir (nem levaram isso a sério, na verdade), pedem para um padre benzer a casa. O Padre Mancuso, como os clichês mandam, é o primeiro a anotar que há algo anormal na casa (como a voz que ordena que ele saia de lá).
      As coisas vão ficando cada vez mais estranhas: o humor da família muda muito! George fica extremamente violento, não sai de casa e torna-se desleixado, sem fazer a barba e cortar o cabelo. Além das reclamações  sobre a temperatura da casa. Kathy fica mais irritadiça e as crianças, desobedientes. Todos escutam, sentem e veem coisas que não existem (ou não deveriam existir), como odores, ruídos e objetos se movendo sozinhos. Kathy levita durante a noite, portas e janelas sofrem avarias sem motivo aparente. Mas de todas as coisas bizarras a que mais me assustou foi o amigo imaginário da Missy, filha do casal: Jodie, um porco extremamente bizarro que não aparece nos filmes e que protagoniza uma das cenas mais apavorantes. 
      A escrita de Jay Anson é interessante, várias vezes esquecia que estava lendo um livro, não vivendo aquelas desgraças todas. Especialmente quando Jodie aparecia. Mas não me use como parâmetro para classificar a "assustabilidade" porque sou medrosa por natureza quando o assunto é o sobrenatural. Mas, de forma geral, você sentirá medo, angústia, raiva, apreensão e por um momento esquecerá que não é mais um integrante da família Lutz.
      Como de praxe, a resenha em imagem (clique para ampliar e ler melhor, reduzi para que o post não ficasse maior do que já está):



As Recomendações - #Recomendando 01      

DarkSide Books
As recomendações dessa data especial são todas de uma editora que tem tudo a ver com Sexta-Feira 13! Já conhecem a Darkside Books? É uma publicação mais legal que a outra. Eles são super atenciosos e simpáticos com os leitores! Sou apaixonada por serial killers, adoro estudá-los e ler sobre eles - não que os admire, por favor! Só acho um assunto extremamente interessante. Confere aqui três livros que você não pode deixar de ler numa sexta-feira 13 publicados pela editora (clique nas capas dos livros para mais informações):


SERIAL KILLERS, ANATOMIA DO MAL
O dossiê definitivo sobre assassinos em série


Serial Killers - Anatomia do MalO que faz  gente aparentemente normal começar a matar e não parar mais? O que move – e o que pode deter – assassinos em série como Ed Gein, o psicopata americano que inspirou os mais célebres maníacos do cinema, como Norman Bates (Psicose, de Alfred Hitchcok), Leatherface (O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper) e Hannibal Lecter (O Silêncio dos Inocentes, de Jonathan Demme). Como explicar a compulsão por  matar e  o prazer de causar dor, sem qualquer arrependimento? De onde vem tanta fúria?
As respostas estão no novo lançamento da editora DarkSide Books: Serial Killers, Anatomia do Mal, dossiê definitivo sobre o universo sombrio dos psicopatas mais perversos da história. Escrito por Harold Schechter – que pesquisa o tema há mais de três décadas e já publicou, inclusive, a biografia de Ed Gein, Deviant (1998) -, o livro é referência fundamental a todos os que se interessam pelo universo da investigação e da criminologia.
A NOITE DOS MORTOS-VIVOS 
Classic Edition

Classic Edition - A Noite dos Mortos-Vivos, livro de John Russo
"Se hoje os zumbis estão em alta – influenciados em grande parte pela série The Walking Dead e por games como Resident Evil e filmes como Zumbilândia, além de contracenar com Brad Pitt – é porque, em 1968, George Romero e John Russo se reuniram para escrever o roteiro de A Noite dos Mortos-vivos e mudar a história do cinema. O filme revolucionou o mito sobre as criaturas que voltavam do além: as superstições vodus das velhas produções B deram lugar à epidemia de fome canibal nas ruas norte-americanas. Criaturas similares já haviam aparecido antes nas telonas, mas foi em A Noite dos Mortos-vivos a primeira vez em que foram retratados como uma praga devoradora de carne humana."

PSICOSE
Classic Edition - Psicose, livro de Robert Bloch
Psicose, o clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O protagonista Norman Bates, assim como Gein, era um assassino solitário que vivia em uma localidade rural isolada, teve uma mãe dominadora, construiu um santuário para ela em um quarto e se vestia com roupas femininas.
O livro teve dois lançamentos no Brasil, em 1959 e 1964. São, portanto, quase 50 anos sem uma edição no país, sem que a maioria das novas gerações pudesse ler a obra original que Hitchcock adaptou para o cinema em 1960. A DarkSide orgulhosamente tem o prazer de reparar este lapso, em julho de 2013, com o lançamento de Psicose em versões brochura (classic edition) e capa dura, limited edition que incluirá um caderno especial com imagens do clássico de Hitchcock.

Sorteio Especial Me Livrando - Sexta-Feira 13


Com a intenção de marcar a primeira sexta-feira 13 do ano (sim, teremos outra em março e terá um novo sorteio!), o Me Livrando está sorteando UM exemplar de "O Grande Livro de Histórias de Fantasmas" para UM ganhador, além de um brinde temático especial que irá junto com o prêmio 


COMO EU CONCORRO?
São três passos simples!
1. Seguir este blog (comente aqui no post seu nome de seguidor);
2. Curtir a página no Facebook (http://www.facebook.com/MeLivrando);
3. Clicar em "Quero Participar" AQUI.

Viu como é fácil? O resultado sai no dia 12 DE MARÇO DE 2015. O blog tem até 30 DIAS para postar o prêmio e NÃO SE RESPONSABILIZA por eventuais danos causados no livro pela transportadora.

FELIZ SEXTA-FEIRA 13!

Você também pode gostar de:

4 comentários