Folheando 03: King of Thorns

Postado por - sexta-feira, março 06, 2015


ATENÇÃO! Esta resenha é do segundo livro de uma trilogia. Confira o primeiro aqui, assim como uma entrevista com o autor.


Título da Série: A Trilogia dos Espinhos
Título do Livro: King of Thorns (vol. 2)
Autor: Mark Lawrence
Editora/Tradução: DarkSide Books/Antônio Tibau
Páginas: 528
Ano: 2014
Onde comprar: Livraria Cultura || Saraiva || Submarino || Livraria da Travessa.
Mais informações aqui.
Confira também resenha de: Prince of Thorns (vol. 1) || Emperor of Thorns (vol. 3)

Este é o meu livro favorito desta excelente trilogia, pois tudo joga contra o nosso anti-herói Jorg. As apostas são altas e as reviravoltas, perfeitas. Depois de assassinar seu tio e garantir um pequeno reino nas montanhas, o jovem Jorg agora encara um inimigo carismático e poderoso – o Princípe de Arrow –, que parece destinado a reunir o Império Destruído. A ação salta entre o presente e o passado, e nos mostra como Jorg viajou pelo império e conseguiu reunir recursos e forças para enfrentar uma batalha aparentemente impossível de ser vencida. Acompanhamos também a história pelo ponto de vista de Katherine, a mulher que Jorg deseja mais do que ninguém, e que ele está destinado a não conquistar jamais.Apesar de Jorg continuar a ser o mais maquiavélico dos protagonistas, sem hesitação para matar, mutilar ou destruir, caso isso o ajude a alcançar seus objetivos, passamos a compreendê-lo melhor neste livro, e é impossível não torcer por ele. Ele consegue renovar e dar uma reviravolta brutal, explodindo com todas as armadilhas românticas da grande fantasia – lealdade, honra, o bem contra mal e a fé em um causa maior. Às vezes, quando você vê aquele cavaleiro branco em seu cavalo, com uma armadura reluzente e um sorriso brilhante, só quer atirá-lo no chão e dar-lhe um murro na cara dele por ser tão perfeito. Se você já teve essa sensação algum vez, Jorg é o cara. [...] Por Rick Riordan.



            ATENÇÃO, ESSA RESENHA PODE CONTER SPOILERS! Antes de começar, acho muito difícil fazer essa análise sem dar nenhum spoiler, por mais insignificante que ele seja.
            King of Thorns é o segundo volume da Trilogia dos Espinhos, escrito por Mark Lawrence e publicado aqui no Brasil pela DarkSide Books. O livro alterna a narrativa entre primeira pessoa, e dessa vez há outro ponto de vista, as anotações de Katherin Ap Scorron em seu diário, "tia" de Jorg e mulher por quem ele é perdidamente apaixonado.
Há alternância de tempo no livro, uma se passando poucos meses após o fim de Prince of Thorns e a outra, quatro anos mais tarde, quando Jorg possui 18 anos. A história se inicia no Assombrado, local onde Jorg irá se casar com uma menina de apenas 12 anos, porém, tão esperta e audaciosa quanto nosso personagem principal. Mas nem tudo são flores: o príncipe Orrin de Arrow marcha com um exército de 20.000 cavalheiros rumo as portas de seu castelo. Jorg irá travar uma batalha, provavelmente suicida, logo no dia de seu casamento!


Orrin é o homem que muitas profecias dizem ser o futuro Imperador, ele é aclamado por todos, multidões se ajoelham à sua presença, nobres abrem as portas de seus castelos conquistados por sua honra e bondade. Seu objetivo é acabar com todas as guerras, unificar e trazer a paz a todos os reinos. Essa rivalidade entre os dois se inicia quando Jorg sai para conhecer outros reinos em busca de alianças e recursos e se encontra com o príncipe. Jorg o desafia para um duelo e é massacrado, não sendo morto apenas porque esse não era o desejo de Orrin.
Durante a viagem de Jorg por outros reinos que a história se destaca. Entendemos que Jorg possui motivos para cometer suas loucuras e atrocidades e além disso, vemos que apesar de sua idade, Jorg já pensava como um Rei. Não vou me estender muito sobre algumas coisas, pois acho que qualquer informação a mais possa estragar a experiência. Já no dia de seu casamento, podemos ver um Jorg muito mais maduro do que no passado, assombrado por alguns de seus atos e com alguns poderes extras, isso mesmo, poderes! A batalha é sensacional, nela podemos ver que o uso do terreno e um pouco de sorte podem fazer toda a diferença.
Também é apresentado um personagem muito misterioso, o Rei Morto. Não há muitas informações sobre ele nesse livro, sendo citado apenas em alguns casos isolados. Porém ele é fundamental para Emperor of Thorns e consequentemente para o desfecho da história.


Minhas Impressões
            Mark Lawrence conseguiu melhorar o livro em relação ao primeiro em todos os quesitos. As descrições estão mais presentes e muito superiores a Prince of Thorns. Os personagens secundários estão mais desenvolvidos, em alguns casos, até mesmo suas motivações são apresentadas para o leitor. A história também engrandece bastante, nela podemos ver um Jorg mais maduro e até mesmo mais humano, além de nos preparar para Emperor of Thorns. Realmente não vejo motivos para não ler esse livro, se você é fã de fantasia, é um leitura obrigatória. King of Thorns entrou para minha lista de livros favoritos.













Você também pode gostar de:

0 comentários